quinta-feira, 29 de junho de 2006

As rosas...

Num instante
Desfolharam-se as rosas
Caíram as pétalas
Porque eu não podia esquecer as rosas
Procurámo-las juntos
Encontrámos rosas
Eram as suas rosas eram as minhas rosas
A essa viagem chamávamos amor
Com o nosso sangue e as nossas lágrimas fazíamos rosas
Que brilhavam um instante ao sol da manhã
Desfolhámo-las debaixo de sol entre silvas
As rosas que não eram as nossas rosas
As minhas rosas as suas rosas

P.S. E assim esquecemos as rosas.

Autora: nnannarella

1 comentário:

Mi disse...

Belas palavras