domingo, 3 de dezembro de 2006

Urgentemente...

É urgente o Amor,
É urgente um barco no mar.
É urgente destruir certas palavras
ódio, solidão e crueldade,
alguns lamentos,
muitas espadas.
É urgente inventar alegria,
multiplicar os beijos, as searas,
é urgente descobrir rosas e rios
e manhãs claras.
Cai o silêncio nos ombros,
e a luz impura até doer.
É urgente o amor,
É urgente permanecer.

Autor: Eugénio de Andrade
Foto cedida por: J.P.Medeiros

10 comentários:

Xuinha Foguetão disse...

:)
Bonito!

Beijocas

Deepak Gopi disse...

Hi:)
thank you.

aprendiz de viajante disse...

Muito bonito...


Tenho a rocha da relva no meu blog... Um olhar especial para ti!

Bjo

Maria disse...

A gente vai passeando por aqui e descobre sempre sítios novos...
O teu blog é lindo. Tem fotos lindíssimas e poemas fantásticos.
Voltarei, com certeza!

aprendiz de viajante disse...

... gostei tanto naquele nosso momento!!!


Tenho a certeza que haverão outros!


Um bjo especial e um bom fds.

Vida disse...

Maria, temos andado um pouco ausentes, mas a Cris ainda cá está, só vai esta semana. De modo que é urgente irmos tomar o nosso cafézinho.

Linda foto da Rocha, beijinhos para ti.

Maria disse...

Passei para dizer olá...

Luis Eme disse...

Vim ao acaso e gostei da tua Rocha, com relva e muito bom gosto.

Vida disse...

Bom dia Maria,

Quando voltamos a tomar um cafézinho?

Beijinhos para os teus pais e para ti.

aprendiz de viajante disse...

Maria

Não tenho muito feitio para anbdar a distribuir Boas Festas... aos nossos amigos, as coisas boas desejam-se todo o ano...

Mesmo assim, deixo aqui os meus votos de um feliz Natal e um calendário de 2007 repleto de alegria e muita felicidade.

Um bjinho